Você já ouviu falar sobre profissional independente? Se ainda não com certeza ouvirá em breve, pois estamos em um momento de mudanças na qual esse tipo de profissional será cada dia mais requisitada e essa pode ser uma boa oportunidade para você.

Definição de profissional independente

É uma profissional especialista que exerce uma atividade não subordinada e não está vinculado a uma entidade empregadora, ou seja, ela não possui chefe ou carteira assinada, está na empresa mas não pertence a ela.

Se você imagina que trabalhar para uma empresa sem ser uma funcionária é uma coisa ruim, queremos mostrar que no caso da profissional independente isso pode ser um bom negócio.

Quais as características para se tornar uma profissional independente

A profissional independente deve ser uma especialista que gera resultados para a empresa. Ela é uma boa profissional que promove soluções, é auto suficiente, se relaciona bem, evolui permanentemente, é criativa e possui perfil dinâmico e uma boa educação.

É uma profissional exigente que não aceita qualquer tipo de liderança ou remuneração, além disso, não se importa com status, cargo e o glamour das grandes corporações.

A profissional com essas características prefere ter reconhecimento de seu trabalho e ser bem remunerada por isso e ainda assim possui um custo X beneficio que atraem as empresas.

Como funciona o trabalho de uma profissional independente

A profissional independente não faz bico, não é uma freelancer e nem funcionária temporária. Ela tem um modelo de negócios bem definido e atua como prestadora de serviços.

Ela costuma trabalhar por projetos em ciclos curtos e não possui exclusividade, em geral pode atuar em duas ou mais empresas ao mesmo tempo.

A maioria possui registro como MEI ou similar, possui contrato de prestação de serviços e emitem nota fiscal.

Alta performance, qualidade e comprometimento com o resultado garantem trabalho continuamente além de uma remuneração que pode ser em geral 3 vezes maior que o de um funcionário na mesma função.

Vantagens e Desvantagens

Ser uma profissional independente é um estilo de vida que garante flexibilidade de horário e permite a escolha de projetos e clientes.

Pode escolher atuar tanto de forma presencial quanto remota o que permite em alguns casos trabalhar em qualquer lugar do mundo.

Como não é uma funcionária CLT, não possui benefícios como vale refeição, transporte, plano de saúde, férias remuneradas, FGTS entre outros, por esse motivo precisa ser uma pessoa com controle total de suas finanças.

Ser uma profissional independente é uma excelente opção para quem não se encaixa no padrão tradicional de trabalho com carga horária e chefia mas ao mesmo tempo não quer empreender e ter que lidar com a complexa gestão de um negócio e altas cargas tributárias.

E ai será que essa é a opção ideal para você?