Em primeiro lugar acredito que é bom deixar claro o que é um plano de negócios e qual a sua utilidade.

O plano de negócios também conhecido como plano empresarial é um documento que explica em detalhes o que é o negócio que irá ser criado ou já existe.

Ele é tipo um mapa da empresa e serve como ferramenta que avalia se o negócio é viável, ou seja, se a empresa terá condições de sobreviver e também ajuda na gestão do negócio.

Eu mesmo atuando como uma empreendedora individual acredito ser interessante possuir um plano de negócios, pois considero uma excelente ferramenta de apoio na gestão e planejamento estratégico.

Porém não é necessário fazer um documento muito elaborado e com muitas páginas, ele pode ser simples e ter no máximo duas páginas.

Afinal de contas o objetivo é usa-lo como ferramenta para ajudar no crescimento ou na avaliação de necessidade de remodelação de sua empresa ou serviços.

Para criar o seu plano de negócios simplificado considere os 5 tópicos a seguir:

  1. Defina o negócio – Neste tópico você deve responder as seguintes perguntas: Qual é o seu negócio? Em que ramo atua? Quem são os clientes? Quais as necessidades do seu cliente? Como você irá atender as necessidades do cliente?
  2. Plano de marketing – Aqui você deve descrever qual o produto ou serviço que você vende, qual é o seu diferencial, quais serão os valores (preços) praticados pelo produtos ou serviços oferecidos, como será feita a divulgação (propaganda), onde será o ponto de distribuição (local) em que os produtos serão disponibilizados ou o serviço será prestado e qual a previsão de vendas.
  3. Concorrência – Faça uma pesquisa e inclua informações sobre quem são e como atuam os seus concorrentes.
  4. Investimento inicial – Descreva em detalhes todos os materiais que você necessita para iniciar o negócio e inclua os valores, caso precise comprar matéria prima para a produção de produtos coloque os valores referente ao minimo de 6 meses.
  5. Análise financeira – Neste último tópico é necessário calcular os valores referente as despesas operacionais e a receita das vendas e fazer um demonstrativo de resultados, ou seja,verificar se os resultados gerados pelas vendas cobre as despesas operacionais e geram lucro para a empresa. Faça o cálculo referente a 6 ou 12 meses de operação.

O ideal é que você revise esse plano de negócios no minimo há cada 6 meses, minha sugestão é que para novos empreendimentos isso seja feito a cada 3 meses no primeiro ano, assim caso a estimativa inicial não tenha o resultado esperado é possível reavaliar a situação e mudar o rumo antes que isso afete negativamente o seu negócio.

Tenho certeza que elaborar um plano de negócios vai ajudar você a entender melhor o seu negócio e e diferenciará você dos amadores.